quinta-feira, 30 de agosto de 2012

TAÇA PURO DELEITE


RENDIMENTO: 06 porções

ingredientes:
11/2 xícara de chá de água
2 xic de chá de açúcar
1/2 xic de chá de maisena
2 xic de chá de leite
2 gemas peneiradas
1 colher sopa de extrato de baunilha ( pode ser essência)
morangos fatiados a gosto (usei 2 caixas)
2 colheres de sopa de açúcar
1 xic de café de vinho do porto ou massala

merengue:
2 claras
1/2 xic chá de açúcar

Lave os morangos, corte-os em fatias , coloque em uma tigela polvilhe as 2 colheres de açúcar e o vinho do porto e deixe macerar por uns 20 minutos

Em uma panela, leve ao fogo a água e o açúcar, mexendo até dissolver. Pare de mexer e espere a calda chegar ao ponto de fio grosso. Reserve.

Dissolva a maisena no leite, acrescente as gemas, coloque em uma panela, junte a calda e leve ao fogo baixo, mexendo sempre, até engrossar... Apague o fogo e junte a baunilha. Cubra com filme plástico (grude o filme no creme para não criar película) e deixe amornar.

"Suje" 6 taças com licor de chocolate ou ganache (opcional); forre com fatias de morango, preencha com o creme e leve a geladeira por 1h30 - 2h.

Enquanto isso faça o merengue:

Em uma panela, leve ao fogo baixo em banho maria as claras e o açúcar. Mexa sem parar até dissolver o açúcar, cuidado para não cozinhar as claras.
Transfira a mistura para a batedeira e bata em velocidade alta até o merengue ficar firme.
Coloque o merengue na manga de confeitar, distribua o merengue sobre o creme das taças, doure com o maçarico culinário e sirva a seguir...


sábado, 23 de junho de 2012

Creme de ervilhas e bacon

Ingredientes:

500g de cará
400g de ervilha fresca congelada
100g de bacon bem picadinho (eu uso bacon de lombo)
1 cebola roxa média em rodelas
1 colher de sopa de açúcar
azeite
2 dentes de alho picados
sal e pimenta do reino
100ml de creme de leite

Preparo:

Na panela de pressão, coloque o cará para cozinhar com água e sal. Uns 25 minutos. Reserve.
Em uma panela frite o bacon em sua própria gordura até ficar bem douradinho. Retire o bacon da panela e coloque em um prato forrado com papel absorvente. Reserve.
Na panela em que fritou o bacon, acrescente um fio de azeite caso não tenha gordura suficiente, aqueça bem e frite a cebola até murchar. Nessa hora, coloque o açúcar e deixe caramelar.
Assim que caramelar a cebola, junte o alho e as ervilhas. Refogue um pouco e cubra com água ou caldo de frango ou caldo de legumes. Abaixe o fogo e cozinhe até amolecer as ervilhas.
Depois das ervilhas cozidas, coe o caldo do cozimento (reserve) e leve o que sobrou para o liquidificador, junto com o cará já cozido. Se precisar acrescente um pouco do liquido do cozimento das ervilhas para ajudar a bater.
Depois que formar um creme, despeje na panela novamente, acerte o sal, junte o creme de leite e cozinhe, mexendo de vez em quando até levantar fervura.
Desligue o fogo, salpique o bacon frite reservado e sirva.

* vc pode substituir o cará por batatas ou mandioquinha.

Curiosidade para quem não conhece o cará, aqui está ele:


Cará parece inhame mas não é
O cará é uma hortaliça tipo rizoma, cujos valores já eram loucados pelo Padre Anchieta em seus escritos. Apesar de não se conhecer com certeza, acredita-se que seja originário do oeste da África. O cará foi introduzido no Brasil pelos escravos. É um alimento energético, e também destaca-se com fonte de vitaminas do complexo B. Pertence à família Diocoreacea. Podem ser cultivados o cará subterrâneo, algumas vezes confundido com o inhame, e o cará aéreo, comum em algumas regiões do interior do Brasil, mas dificilmente encontrado no mercado das grandes cidades.
*fonte: site da EMBRAPA


Sopa creme de cenoura


receita e imagem tiradas daqui. 

Ingredientes:

1 peito de frango com osso pequeno

1/2 maço de cheiro verde
1 folha de louro
2 dentes de alho
1/2 cebola picada grande
2 cubos de caldo de galinha
6 cenoura médias picadas
ramos de folhas de cenoura (opcional)
agua o quanto baste.

Preparo:

Coloque todos os ingredientes na panela de pressão, cubra com água e leve ao fogo. A hora que começar a fazer xiiiiiiiiiiiiiiiii, conte 30 minutos de desligue. Espere sair toda a pressão, abra a panela e veja se o frango e as cenouras estão macios.
Coe o caldo do cozimento e reserve. 
Separe as cenouras com os temperos também, retire a folha de louro, o cheiro verde e as folhas da cenoura e bata o restante no liquidificador, com 500ml do liquido do cozimento. Reserve o creme.
Desfie o peito de frango. Em uma panela grande, refogue uma cebola pequena ralada e um dente de alho. Junte o frango desfiado e creme batido, acerte o sal  e cozinhe em fogo baixo até levantar fervura. 
Sirva  acompanhado de 1 colher de requeijão cremoso e salsinha desidratada.


Caldo Verde

O inverno chegou, e com ele vem aquela vontade de tomar um caldinho quentinho, reconfortante...
Atendendo a pedidos de duas amigas muito queridas, vou fazer um especial de sopas, com vários posts, de receitas tradicionais e consagradas a outras nem tanto....
E para dar o pontapé inicial, vamos de uma receita bem tradicional e que tem tudo a ver com o mês de junho/julho.... Caldo Verde!!!!


Ingredientes:

100g de linguiça portuguesa fatiada 
1 cebola roxa ralada
6 mandioquinhas de tamanho médio
1 maço de cheiro verde (não pique, apenas limpe os galhos tirando as folhas queimadas e utilize inteiro.)
1 l de água
2 caldo de bacon ou outro de sua preferencia
2 dentes de alho
1 colher de azeite
2 xic de couve picada

Preparo:

Frite a linguiça em rodelas. Junte a cebola e refoque.Quando a cebola murchar, junte a água e o caldo de bacon, a mandioquinha cortada em pedaços pequenos e o cheiro verde.. Cozinhe em fogo baixo por 30 minutos, ou até a mandioquinha ficar macia. Tire o cheiro verde e a linguiça e bata o restante no liquidificador.
Enquanto isso, refogue o alho no azeite e junte a couve. Deixe dar uma murchadinha e então junte o creme batido e a linguiça. Acerte o sal, deixe ferver e sirva acompanhado de torradinhas.

* se quiser pode substituir a mandioquinha (batata baroa) por batata  e a linguiça portuguesa por linguiça calabresa.

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Glace de leite condensado trufado


(nessa receita, usei o glacê tingido com corante e saborizado com pó de framboesa)

Essa receita é aquelas receitas curingas do caderninho de receitas , sabe como é?!!??!!?

Rende bem - recheia e cobre um bolo de 2 kg e ainda sobra, é uma delicia, resiste bem ao calor, ótima para trabalhar com bico.

A receita original tirei daqui
Ingredientes:
- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de creme de leite bem gelado
- 10 colheres (sopa) de leite em pó (eu uso ninho)
- 1 colher (sopa) de emulsificante de sorvete bem cheia
- 300g de chocolate branco derretido (chocolate nobre)
- Ingrediente opcional: 1 xícara suco de maracujá ou pó de sabor para sorvete (qualquer sabor). Esse ingrediente é opcional caso você queira acrescentar sabor ao glacê.

Modo de Preparo:
Bater os 4 primeiros ingredientes por 3 minutos. Acrescente o chocolate branco derretido e dê mais uma batida.
Pode trocar o leite em pó por 3 a 4 colheres (sopa) de chocolate em pó 50% e usar chocolate ao leite ou meio amargo no lugar do chocolate branco.
Pode trocar o leite condensado por doce de leite feito de leite condensado cozido e incluir opcionalmente nozes trituradas.



Se estiver muito quente ou seu bolo for ficar muitas horas fora da geladeira, pode-se acrescentar 1 colher de sopa de gelatina em pó sem sabor, hidratada conforme intruções da embalagem.

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Bolo Baba de moça

ingredientes:
6 ovos
6 colheres de sopa de açúcar
6 colheres de sopa de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
manteiga para untar
farinha de trigo para polvilhar

recheio:
1 lata de leite condensado
1 vidro de leite de coco (200ml)
3 gemas

Cobertura:
1 xic de açúcar
3 claras
100g de coco seco em  flocos

Preparo:
massa: Bata as claras em neve e acrescente as gemas (peneiradas), aos poucos, sem parar de bater. Junte o açúcar e bata atá obter uma massa homogênea. Desligue a batedeira e incorpore delicadamente a farinha de trigo e o fermento à massa. Despeje em uma forma redonda (24cm diâmetro) untada e polvilhada e asse em forno médio (180º), preaquecido por cerca de 30 minutos ou até que enfiando um palito no centro da massa ele saia limpo.Retire do forno e espere esfriar.

Recheio: em uma panela, misture o leite condensado, o leite de coco e as gemas peneiradas, misture e leve ao fogo baixo, mexendo sempre até desprender do fundo da panela (cerca de 10 minutos). Retire do fogo e deixe esfriar.

Cobertura: em uma panela, misture o açúcar com meia xícara de água e leve para ferver, sem mexer, até obter uma calda em ponto de fio.
Enquanto a calda se forma, bata as claras em neve. Não desligue a batedeira e despeje a calda em fio quando estiver no ponto. Bata até que a tigela da batedeira esfrie. Umedeça o coco seco com meia xicara de água, escorra e reserve.

Montagem: corte o bolo ao meio, recheie com a baba de moça, cubra com o marshmallow e decore com o coro hidratado.

rendimento: 18 porções

Brigadeirão (forno convencional)


Ingredientes

1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
1 xic de chocolate em pó
4 colheres de sopa de açúcar
1 colher de sopa de manteiga
3 ovos
manteiga para untar
1 xic de chocolate granulado para decorar

Preparo


Bata no liquidificador o leite condensado, o creme de leite, o chocolate em pó, os ovos, a manteiga e o açúcar, até que esteja homogêneo.
Despeje em uma forma com furo central (19cm de diâmetro) untada com  manteiga.Cubra com papel alumínio e asse em forno médio (180º), em banho maria, até ficar firme (cerca de 1h30). Desenforme ainda morno e decore toda a superfície com o chocolate granulado. Leve a geladeira por cerca de 6 horas e sirva.

rendimento:16 porções

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Bolo de Tapioca


Ingredientes:
1 xic de farinha de trigo
1 xic de açúcar light união ( ou 2 xic de açúcar refinado)
3 xic de farinha para tapioca hidratada *
4 ovos
1 xic de leite
1 vidro de leite de coco (200ml)
3 colh de sopa de margarina
1/2 colh de sopa de fermento em pó
2 colh de sopa de queijo ralado (opcional) - eu substitui o queijo por coco ralado.

* se a sua farinha de tapioca for a seca, deixe-a de molho em água por 1 hora para hidratar. Depois desse tempo, esprema a massa formada em um pano de prato limpo para retirar bem a água. Utilize.

Preparo:

Na batedeira, bata os ovos até dobrar de volume, vá adicionando açúcar aos poucos para não perder o volume. Junte a margarina. 
Coloque a farinha de trigo aos poucos, alternando com o leite e o leite de coco.Desligue a batedeira, junte a farinha de tapioca hidratada e o fermento, mexendo delicadamente com uma espátula.
Ponha a massa em uma forma untada e enfarinhada pequena (20cm diâmetro), leve para assar até dourar.

Como fazer Tapioca

A sugestão de preparo para o passo a passo a seguir  é que a Tapioca seja prepara com polvilho doce. Se você não quiser ter trabalho, hoje encontramos no mercado facilmente  a goma da mandioca já hidratada, pronta para o preparo. Basta locar 1 xícara da massa em frigideira bem quente, alisar e após 1 minutinho, já está pronta. 
Eu uso esse tipo, pois para ser sincera as minhas tentativas de hidratar o polvilho tiveram um resultado um pouco desastroso... Já havia desistido de fazer Tapioca em casa. Foi ai que descobri a goma ja hidratada... e não larguei mais. Trabalho com essa massa aqui - Sabor da Paraiba, mas acredito que existam outras no mercado.


Add caption
fonte da imagem: Revista Nestlé e você edição38 - junho 2008


Dicas para não errar
  •  Se a goma estiver muito encaroçada, passe-a na peneira. Dessa forma, ela ficará fininha.
  •  Se perceber que a massa está molhada demais, passe-a de novo por um pano seco
  •  Para saber o ponto certo, pegue um pouco da goma e pressione entre o indicador e o polegar. Se ela ficar modelada estará pronta.
  •  Se sobrar goma, molhe com um pouco de água e guarde na geladeira. Quando for utilizar a goma guardada, verifique se ela não está com um aroma azedo. Ela deve estar branquinha e com cheiro de mandioca
  •  Quando os recheios forem salgados e muito secos, adicione um pouco de azeite ou manteiga de garrafa 
  •  Se o recheio estiver muito molhado, a tapioca ficará muito elástica e mole. Tente deixá-lo pastoso.
  •  Sempre que o recheio for mais úmido, salpique um pouco da goma por cima para não grudar na frigideira
  •  Só leve a massa ao fogo quando a frigideira estiver bem quente
  •  Não precisa untar a frigideira, mesmo que ela não seja antiaderente


Conheça a Tapioca

imagens: Revista Nestlé e você edição38 - junho 2008

Hoje vamos falar da Tapioca, uma iguaria tipicamente nacional, descoberta pelos índios brasileiros na época da colonização portuguesa.
A farinha extraída da goma da mandioca, tornou-se típica na culinária Nordestina, onde se faz presente nas principais refeições.
Nas outras regiões do pais ela foi chegando devagarinho, sorrateira, até que cair no gosto nacional. Daí para virar iguaria gourmet nas mãos de renomados chefs de cozinha foi um pulinho...
A forma mais tradicional de preparo é tipo panqueca, servida com recheios doces ou salgados, dos mais variados sabores e combinações.Mas é possível também preparar muitos outros pratos igualmente deliciosos como bolos, curau, bolinhos, brigadeiros, pudim, base para canapés... enfim com criatividade e um pouquinho de técnica podemos criar inúmeras delícias.
Antes de irmos para as receitas, vamos conhecer um pouquinho desse ingrediente 100% nacional.

Tipos e usos
fonte: Revista Revista Nestlé e Você edição38 - junho 2008



Sopa creme de milho verde

                                                                           Fotos por: Douglas Tadeu Aby Saber Filho


Nos meus passeios pela net, encontrei essa receita aqui no site Cyberdiet e achei ótima para esquentar uma 2ªf fria e molhada como hoje...

O bom dessa receita é que além de saborosa, ela é feita com ingredientes que temos na despensa de casa... A receita original da sopa é feita com espigas de milho. Aqui para facilitar eu substitui a quantidade por milho em conserva, mais fácil de termos na despensa de casa....
As ervas, caso vc não tenha fresca na geladeira pode ser seca mesmo, ou pode substitui - las por queijo ralado. Fica muito bom também.


Se você quiser ver o link original da receita, é só clicar aqui.


Ingredientes:


2 latas de milho verde em conserva

400ml de leite desnatado
1/4 de xic de água fervente dissolvido 1 tablete de clado de carne, legumes ou frango.
3 dentes de alho amassados
1 cebola ralada
cebolinha verde picada
salsinha picada
folhinhas de alecrim

Preparo:
Bata no liquidificador com a própria agua 1 lata e meia de milho verde (deixe a outra metade para colocar na sopa e ficar grãozinhos crocantes - se não gostar, pode bater tudo no liquidificador).
Passe o creme de milho batido por uma peneira e reserve.
Em uma panela média, refogue a cebola e o alho. Junte o caldo de carne e deixe reduzir um pouco. Em seguida acrescente o creme de milho e o leite.
Deixe cozinha em fogo brando(médio), mexendo de vez em quando, até levantar fervura. Deixe cozinha por mais 5 a 8 minutos e desligue o fogo. Acrescente as ervas , acerto o sal e os temperos e sirva.
Se quiser acompanhe a sopa com croutons e queijo ralado.
Rendimento: 2 porções

sábado, 9 de junho de 2012

Sábado é dia de Pizza!!!!


Não há como negar, Paulista/ Paulistano que se preze tem que comer pizza no sábado a noite...
Massa grossa, massa fina, tradicional ou integral, massa de batata, das mais calóricas, as preparadas com ingredientes mais saudáveis - as chamadas pizzas light...
Tem para todos os gostos e bolsos... Eu, para ser sincera gosto de pizza de qualquer jeito... estando quentinha e com aquele queijinho estalando de tão gratinado...hummmmmmmmm  não resisto mesmo...
Mas com o frio que está fazendo aqui em Santos nesse feriado, resolvi arregaçar as mangas e preparar a pizza em casa...
Foi mais por diversão mesmo, para entreter as crianças que não aguentam mais ficar em casa jogando video game...
Adaptei uma massa que usávamos lá na pizzaria... foi teste mesmo, fiz as mudanças para dar certo no forno convencional... e deu certo... ficou macia por dentro e crocantinha por fora... muito bom... e as crianças amaram a farra de montar as pizzas...
Meu filhote gostou tanto da farra que se acabou na pizza de queijo com milho ... e olha que na pizzaria ele só come de frango com catupiry...
Bom, vamos deixar o papo de lado e ir logo para o que interessa né: a receita

Massa:

30g de fermento biológico fresco
1 colher de cá de açúcar
1 caixinha de creme de leite UHT
2 colheres de sopa de margarina Qualy ou manteiga
1 colher de chá de sal
2 ovos
4 xic de farinha de trigo Renata ( com essa marca, a massa da o ponto mais fácil )

Em um bowl grande dissolva o fermento com o açúcar, acrescente 1/4 de xícara de água morna e misture para dissolver bem. Junte o creme de leite, a manteiga em temperatura ambiente e os ovos batidos levemente. Vá juntando a farinha de trigo aos poucos, até que a massa desgrude das mãos. Sove bem a massa, até que fique bem lisa e elástica.
Se quiser pode fazer a massa na batedeira, usando o gancho para massas pesadas.
Deixe a massa descansar em um bowl polvilhado com farinha até a massa dobrar de volume.
Quando a massa chegar no ponto, divida em duas porções e deixe crescer novamente por 20 minutos, em dias muito frios - como hoje - deixe por cerca de 30 minutos.
Sobre uma superfície enfarinhada, abra cada porção de massa com um rolo formando os discos de pizza. 
Coloque em uma assadeira própria p pizza, pré - asse a massa em forno preaquecido médio, até a massa esteja seca, em média 10 minutos.
Retire do forno - sem apaga-lo, espalhe 1/2 xic de molho de tomate em cada disco de pizza e por cima coloque o seu recheio preferido.
Volte para o forno para dourar a massa e gratinar o recheio. Sirva.

Recheios:

Marguerita: 1/2xic de molho de tomate pronto, 1 xic de queijo mussarela ralado, rodelas de tomate, 1 fio de azeite, folhas de manjericão fresco.

Mussarela com milho: 1/2 xic de molho de tomate pronto, 1 xic de queijo mussarela ralada, azeitonas verdes sem caroço, orégano, 1 fio de azeite

Calabresa: 1/2 xic de molho de tomate pronto, 1/2 xic de queijo mussarela ralado, 1/2 xic de linguiça calabresa defumada em fatias bem fininhas, 1 cebola pequena fatiada, azeitonas pretas sem caroço, orégano, 1 fio de azeite

Frango com catupiry: 1/2 xic de molho de tomate pronto, 1 xic de frango desfiado refogado, catupiry a gosto

Dica esperta:

Para a pizza feita em forno convencional ficar crocante eu uso esse tipo de forma, com seu fundo todo furadinho. Ela é ótima, cozinha mais rápido e deixa a pizza, as esfihas, crocantes e deliciosos. Vale o investimento.











Lancheira Saudável


O momento mais esperado do dia ganha receitas saborosas e pra lá de nutritivas

O desafio diário de todas nós mães, na hora de montar a lancheira dos pequenos, é criar uma combinação que seja atraente, saudável e prática.
A lancheira precisa conter uma alimentação variada e balanceada para oferecer além de energia, também parcela dos nutrientes para o crescimento e desenvolvimento dos pequenos.
A hora do lanche, além de ser o momento de relax dos pequenos na escola, é tbm a hora de se alimentar para manter a energia entre as principais refeições.
O lanche ideal precisa conter:

  • uma porção de carboidratos para dar energia; 
  • uma porção de laticínios ricos em proteínas e cálcio; 
  • uma porção de frutas ou legumes que também oferecem vitaminas, fibras e minerais  
  • uma bebida para a hidratação.
DIVERSIFICADO E COLORIDO
  • Inclua sempre frutas no cardápio, mas não se esqueça de higienizá-las e embalá-las para estarem prontas para consumo e para não contaminarem os demais alimentos;
  • Varie os carboidratos, oferecendo diferentes tipos de pães, biscoitos e cereais, dando preferência aos  integrais;
  • Opte por salgados assados, menos calóricos e gordurosos, e bolos sem recheio. 
  • Geleias de frutas e queijos processados são opções de acompanhamento que não necessitam de refrigeração;
  • Para beber, alterne achocolatados, suco de frutas, água de coco, chás, bebidas lácteas e de soja. Armazene as bebidas refrigeradas (vitaminas feitas em casa, iogurtes e bebidas lácteas) em recipientes térmicos. Bebidas em caixinha ou em lata não precisam de refrigeração (apenas após serem abertas).

A seguir algumas receitas delicinhas para variar o cardápio do lanche da criançada....

Bolo de Beterraba

Ingredientes
3 beterrabas cruas, picadas  
1 xícara (chá) de óleo 
4 ovos ligeiramente batidos 
1 pitada de sal 
1 e meia xícara (chá) de açúcar 
3 xícaras (chá) de farinha de trigo 
1 e meia colher (sopa) de 
fermento em pó 
170g de chocolate branco picado
2 colheres (sopa) de confeitos coloridos ( granulado)

Preparo

Em um liquidificador, bata a beterraba, o óleo, os ovos e o sal, até ficar homogêneo. Transfira para uma tigela e acrescente o açúcar e a farinha de trigo misturada com o fermento em pó. Mexa delicadamente e despeje em uma assadeira retangular média (22 x 32 cm), untada com manteiga e polvilhada com farinha de trigo. 
Leve ao forno médio (180° C), preaquecido, por cerca de 30 minutos. Retire do forno e espalhe o Chocolate branco sobre o bolo ainda quente, formando uma cobertura. Decore com os confeitos. 

rendimento: 18 porções

sugestão de cardápio com a receita: 1 porção de bolo de beterraba, 1 Chamito/ Yakult para beber, 1 maçã



 Sanduichinho de pepino



Ingredientes

2 colheres (sopa) de Requeijão cremoso
2 fatias de pão de forma integral sem casca
1 fatia de queijo processado tipo frescal ou cheddar
meio pepino japonês pequeno cortado em rodelas finas

Preparo

Passe o  Requeijão sobre as fatias de pão e distribua o pepino sobre uma delas, coloque a fatia de queijo. Cubra com a fatia de pão restante, formando o sanduíche. Corte em 4 partes e embrulhe em papel-alumínio.

sugestão de cardápio com a receita: 1 sanduichinho, 1 vitamina ninho de caixinha, 1 pera


Rolinhos de Panqueca



Ingredientes

Massa
2 ovos
1 xícara (chá) de Leite
meia xícara (chá) de aveia em flocos finos
meia xícara (chá) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de óleo
meia colher (chá) de sal

Recheio
1 cenoura
1 abobrinha pequena
meia manga
meio vidro de palmito (cerca de 150 g)
200g de peito de peru defumado em fatias bem finas
6 colheres (sopa) de Requeijão

Preparo:
Massa: Em um liquidificador, bata os ovos com o leite , a aveia, a farinha de trigo, o óleo e o sal.
Aqueça uma frigideira untada com óleo, cubra o fundo com um pouco de massa e doure ambos
os lados. Repita o procedimento até acabar a massa.

Recheio:
Corte a cenoura, a abobrinha, a manga e o palmito em tirinhas finas. Mergulhe a cenoura e a abobrinha em água fervente por cerca de 2 minutos, para ficarem macias. Espalhe o Requeijão sobre as massas de panqueca. Distribua as fatias de peito de peru, as tiras de legumes e de manga em um único sentido sobre as massas e enrole-as bem apertado. Corte em pedaços individuais e embrulhe em papel-alumínio.

sugestão de cardápio com a receita: 3 a 4 pedaços de rolinhos de panqueca, 1 addes de fruta, 1 banana.

Fonte de informações: site Nestlé, revista crescer, site do Incor



Bolo de fubá com erva doce

Ingredientes:

3 ovos
1 xic de leite de coco
17 colheres de sopa de fuba
11 colheres de sopa de leite
1/2 xícara de óleo
2 xic de açúcar
17 colheres de sopa de farinha de trigo com fermento
1/2 colher de sopa de semente de erva doce
manteiga para untar
fuba para polvilhar

Bata no liquidificador p leite, o leite de coco, os ovos, o fuba, o óleo e o açúcar. Feito isso, despeje a mistura obtida em um recipiente e junte a farinha de trigo e a erva doce, misturando delicadamente.
Então, disponha a massa em uma forma de alumínio com cone central, untada com manteiga e polvilhada com fuba e leve ao forno preaquecido a 180º por, aproximadamente, 40 minutos ou até dourar.

Dica: se você não tiver farinha de trigo com fermento e quiser usar farinha de trigo simples , basta adicionar 1 colher de sopa de fermento em pó a receita.

Cheesecake de limão com frutas vermelhas

fonte: revista Claudia Comida & bebida/ dezembro 2009

Ingredientes
1/3 xic de aguá
1 envelope de gelatina incolor
200g de biscoito de chocolate moido
60g de manteiga derretida
óleo para untar
300g de cream cheese em temp. amb.
200g de iogurte natural
1 lata de leite condensado
3 limões sicilianos - casca ralada e suco

para a cobertura: 3 colheres de sopa de gelatina de morango
1/2 xic de agua fervente
1 xic de agua fria

Para decorar:
1/2 xic de amora
1/2 xic de morango
sementes de 1 romã

Hidrate a gelatina no 1/3 de xic de agua.
em uma tigela, misture o biscoito com a manteiga. cubra com papel manteiga o fundo de uma forma de aro de 22cm, com as laterais untadas com óleo. Espalhe no fundo a farofa de biscoito, pressionando. Reserve.
Na batedeira, bata o crean cheese com o iogurte e o leite condensado por 2 minutos ou até obter um creme. Aos poucos, junte a casca e o suco de limão e a gelatina hidratada. Bata até ficar homogêneo.
Despeje o creme sobre a massa de biscoito e leve para gelar por 3 horas ou até que fique firme.
Prepare a cobertura: em um refratário, misture a gelatina com a agua fervente, mexendo até dissolver. Adicione a agua fria. Leve para gelar, mexendo às vezes, por 40 minutos ou até engrossar e ficar com consistência de clara de ovo. Despeje sobre a torta e leve a geladeira por 1 hora ou até que fique firme. Desenforme tirando o fundo da forma com a ajuda de uma espátula. Sirva decorado com as frutas.

Cabelinho de anjo com almondegas

créditos da imagem e post original da receita:http://atdigital.com.br/boamesa/2012/04/ninhos-com-almondegas/

Essa receita foi publicada na edição 385 de abril /2012 da AT Revista encartada no Jornal A Tribuna aqui da cidade de Santos.
Eu acho que eles se inspiraram na receita que minha amiga Cynthia Goetz publicou no seu  blog Receitas da Cyn... dá uma passadinha lá e confira a receita .... a versão dela é uma delicia, vale a pena!!!!

Bom vamos a receita então, com algumas modificações de euzinha aqui

Ingredientes:
1 pacote de macarrão cabelo de anjo (eu já fiz com ninho tradicional e deu certo)
1 colher de sopa de sal
1 folha de loura
1 dente de algo
1 folha de alho poró (opcional)
água para cozinhar o macarrão

Almondegas:
500g de carne moída magra (eu uso patinho ou coxão mole, mas se vc encontrar um acém sem muita gordura fica muito bom tbm)
1/2 linguiça calabresa ou portuguesa moída junto com a carne.
1/2 cebola picada miudinha
2 dentes de alho amassados
2 fatias de pão de forma sem a casca
1/2 xic de leite
1 ovo
1 tablete de caldo de picanha

Molho de tomate
1/2 de molho de tomate italiano bem maduro
1 lata de tomates pelados
1 sache de molho de tomate pronto
1 ramo de manjericão fresco
1 folha de louro
1/2 cebola picada miúda
2 dentes de alho amados
1 cenoura ralada no ralo fino - (serve para retirar a acidez do tomate)
sal e pimenta do reino o qto baste
1 fio de azeite (+ - 2 colheres de sopa)

Preparo

Primeiro vamos preparar as almôndegas, ok.
Em um bowl grande, coloque  a carne e abra um buraco no centro.
Em outro recipiente coloco o leite , o pão picado, e deixo de molho p desmanchar bem o pãp.... 4 minutinhos são suficientes. Junte agora, o ovo, o tablete de calde de picanha, o alho , a cebola e 1 fio de azeite. Misture bem e junte a carne moida reservada.
Mexa bem a carne para agregar os temperos e dar liga . Se quiser pode , nessa hora, juntar 1 colher de sopa de aveia.

minha dica: eu substituo - as vezes - a cebola, alho, caldo de picanha, azeite por 1 pacote de creme de cebola, fica muito bom.

Modele as almondegas , de forma que o tamanho da bolinha se encaixe direitinho no buraco do ninho. .. do tamanho de um bombom sonho de valsa.
Disponha as  bolinhas de carne em uma forma untada com azeite ou papel alumínio e leve ao forno  quente por uns 15 a 20 minutos, ou até que esteja dourada.
Se vc preferir pode faze-las fritas... Reserve.

Preparando o molho.

Passe os tomates maduros pelo ralador de legumes - na parte mais larga. Reserve.
Abra a lata de tomares pelados e pique-os junto com o caldo grosseiramente p que fique pedaços grandes. Reserve
Um uma panela grande e funda, coloque um fio de azeite, aqueça e refogue a cebola com o alho... junte os tomates italianos ralados, o tomate pelado e deixe refogar um pouquinho. Junte a cenoura ralada e o sache (ou lata) de molho de tomate pronto. Misture bem.
Dissolva os tabletes de caldo de carne na 1 xic de água quente e coloque na panela ... acrescente o ramo de manjericão e a folha de louro... prove o molho, se ainda estiver muito acido coloque 1 colher rasa de sopa de açúcar.
Deixe cozinhar em panela semi tampada e fogo baixo por uns 20 minutos. Não deixe o molho reduzir muito e encorpar... isso será feito quando ele for ao forno com o prato já montado. Acerte o sal, desligue o fogo e reserve.
Pegue um refratário grande e espalhe umas 3 conchas de molho de tomate quente. Por cima acomode os ninhos de macarrão (ainda crus) lado a lado. Preencha a cavidade de cada ninho com o molho de tomate até encima e finalize com uma almondega. Faça isso com todos os ninhos.
Se sobrar molho pode colocar por cima, cubra o refratário com papel alumínio e leve ao forno médio - 180 por aproximadamente uns 20 a 25 minutos.
Retire do forno, polvilhe queijo ralado e sirva.

CANJICA

Hummm friozinho, mês de junho, Festa Junina... e vontade de comer... Canjica!!!
Aqui uma receitinha bem simples e facinha... tá esperando o que, corre pra cozinha preparar essa delicia!!!!

Ingredientes:

11/2 xic de milho para canjica
2 1/2 litros de agua  - p o cozimento
1 lata de leite condensado
1 lata (medida) de leite
1 pau de canela
2 cravos da india
1 semente de aniz (opcional)
Canela em pau para polvilhar

Coloque a canjica em um bowl , cubra com agua morna e deixe de molho por umas 2 a 3 horas. Eu coloco junto nessa hora a semente de aniz estrelado.
Passado o tempo, escorra a agua e leve a canjica ao fogo, na panela de pressão. Coloque a agua, o pau de canela, os cravos. Tampe a panela... assim que começar a fervura, ou seja, a fazer o famoso xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, abaixe o fogo e deixe cozinhar por 1 hora.
Depois de cozida, retire a panela do fogo, deixe sair toda a pressão e abra a panela. Verifique se os grãos estão macios. Se não estiver volte a panela ao fogo baixo e cozinhe por mais 15 a 20 minutos.
Se sua canjica estiver no ponto, junte na panela o leite condensado e o leite e deixe ferver por mais uns 5 a 10 minutos, com a panela destampada e em fogo baixo, mexendo de vez em quando até ficar cremosa.
Despeje em uma tigela de servir, polvilhe canela em pó e sirva.

Dicas: para variar o sabor da canjica vc pode acrescentar amendoim torrado e sem pele no final do preparo.
outra dica é acrescentar junto com o leite condensado, 2 gemas peneiradas desmanchadas no leite, enriquece o preparo e ajuda a engrossar.

BOLO DE FUBÁ COM COCO DIET

ingredientes
link da imagem: http://mdemulher.abril.com.br/culinaria/receitas/bolo-fuba-secreto-482905.shtml

Ingredientes
3 ovos
6 colheres  de sopa de coco ralado
2 xícaras de leite desnatado
2 colheres de sopa de óleo de milho
2 colheres de sopa de adoçante forno e fogão
1 xic de cha de fubá
1 colher de sopa de fermento em pó

Preparo:
No liquidificador, bata os ovos e o coco ralado. Coloque o leite desnatado, o óleo, o adoçante dietético e o fubá. Misture o fermento. Despeje a mistura em uma assadeira untada com margarina light e asse em forno médio por 30 minutos.

Rendimento: 15 porções
1 porção = 50g = 80 calorias

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Como fazer Feijão


O feijão é um dos alimentos mais antigos da história. já era cultivado no antigo Egito e na Grécia e tido como simbolo da vida.
No Brasil, é indispensável nas refeições diárias, de norte a sul: cada brasileiro consome me média 15kg  de feijão por ano.
O feijão é uma excelente fonte de proteína, carboidrato e fibra.
Procure sempre que for comprar feijão, escolher o de tipo 1 ( menos impurezas e defeitos) é o melhor que tem.
Existem 12 tipos de feijão, o mais apreciado entre os brasileiros é o carioca, seguido pelo preto utilizado para a feijoada.

Cozinhando o feijão:

Pegue 500g de grãos de feijão  e tire os que estejam com defeito, estragados e possíveis pedrinhas e sujeiras.
Coloque os grãos em um bowl e cubra com água morna. Deixe de molho por uns 30 min a 1 hora. Isso facilitara para que o feijão fique mais macio e o cozimento mais rápido.
Despreze essa água na hora que for colocar o feijão na panela para cozer.

Ingredientes:
500g de feijão carioca escolhido
água morna o suficiente para o deixar de molho o feijão
1l de água para cozinhar o feijão
1 folha de louro

Coloque o feijão na panela de pressão, junte o 1l de água e a folha de louro. Tampe a panela e ligue o fogo alto e no momento em que ela começar a fazer o famoso xiiiiiiiiiiiiiii, xiiiiiiiiiiiiiiiiiiixiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, abaixe o fogo e deixe cozinhar por 20 minutos  caso o feijão tenha ficado previamente demolho, ou 30 minutos de vc colocou direto os grãos na panela..
Desligue o fogo e não abra a tampa... espere a pressão da panela sair... cuidado, pois se tentar abrir a panela e ela estiver com pressão vc vai se machucar...
Depois que saiu a pressão abra a tampa e pegue 1 grão de feijão, amasse entre os dedos. Se ele estiver macio, ótimo, senão tampe a panela e repita o processo deixando apenas mais 10 minutos depois que a panela começar a fazer xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.
Se achar mais fácil, volte a panela ao fogo destampada, assim fica mais fácil testar o ponto de feijão.
Assim que estiver cozido, coe o feijão separando os grãos do caldo e reserve.

Temperando e engrossando o caldo

1 cebola média ralada
1 dente de alho amassado
50g de bacon picado
2 tabletes de caldo de bacon
azeite para lambuzar o fundo da panela.

Pegue uma outra panela grande, lambuze com um fio de azeite aqueça, coloque o bacon picado, frite um pouco até a gordura ficar transparente, junte a cebola e o alho. Coloque os grãos do feijão cozido na panela e refogue um pouco. Junte os caldos de bacon esfarelados e mexa bem. Junte o caldo do feijão reservado e deixe reduzir em fogo baixo para  engrossar o caldo , aproximadamente uns 10 minutos.
Pronto, agora é só se deliciar...


PUDIM DE LEITE CONDENSADO DIET


INGREDIENTES DO LEITE CONDENSADO DIET

4 xícaras de chá + 2 colheres de sopa de leite em pó desnatado
2 copos de água fervente
2 colheres de sopa de margarina light
1 colher se sopa de adoçante

INGREDIENTES DO PUDIM
1 receita de leite condensado
3 ovos grandes
1 copo de leite desnatado
1 colher de café de essência de baunilha
200g de frutose

Preparo:
leite condensado - bata no liquidificador, em velocidade média, o leite me pó, a água, a margarina e o adoçante, por cerca de 5 minutos. Despeje a mistura em uma vasilha e leve-a a geladeira por 3 horas. Reserve.

Pudim - em uma forma redonda para pudim, coloque a frutose e leve ao fogo médio, até que ela derreta e forme uma calda. Reserve.
No liquidificador, bata, em velocidade média, o leite condensado já gelado, os ovos,o leite e a essência de baunilha, até obter um líquido homogêneo. Despeje-o sobre a calda de frutose. Coloque a forma com o preparo dentro de uma assadeira com água. Leve tudo ao forno, preaquecido a 180]C, e deixe assar em banho maria por cerca de 1 hora. Retire a forma de dentro da assadeira, deixe esfriar e leve-a à geladeira por 2 horas. Desenforme depois de gelado.

Rendimento: 10 porções


SEGREDINHO DE AMENDOIM

250g de amendoim torrado sem casca e grosseiramente moído
400g de doce de leite pastoso
1 colher de sopa de manteiga
5 gemas
1/2 xic de açúcar de confeiteiro
Amendoim torrado, sem casca para decorar

Em uma panela pequena, cozinhe em fogo médio o amendoim com o doce de leite, a manteiga e a gemas peneiradas, mexendo sempre, por 8 minutos ou até a mistura se desprender do fundo da panela.
Espalhe em um prato untado com manteiga e espere esfriar.
Com as mãos untadas, modele bolinhas e passe pelo açúcar. decore com o amendoim.
Rende 40 docinhos

BOLO CREMOSO DE FUBÁ E RICOTA

11/2 xic de farinha de trigo
1 xic de fubá
1 xic de manteiga
1 xic de leite de coco
1 xic de açúcar
1 colher de chá de fermento em pó
4 ovos
1 pitada de sal

para o recheio
450g de ricota passada pela peneira
1/2 xic de açúcar

Na batedeira, bata a farinha de trigo, o fubá, a manteiga, o leite de coco, o açúcar, o fermento, os ovos e o sal por 3 minutos ou até a massa ficar homogênea e leve.
Prepare o recheio: em uma tigela pequena, misture os ingredientes.
Com metade da massa cubra o fundo de uma assadeira de 25x35cm untada com manteiga. Por cima espalhe a ricota. Cubra com a massa restante.
Leve ao forno por 50 minutos ou até começar a dourar. Deixe amornar, corte em losangos e sirva.
rende 24 pedaços.

Bolo de Banana diet

Rendimento - 16 porções
1 porção de 50g - 114 calorias

ingredientes
4 ovos
3 bananas nanicas médias
1/2 xic de óleo de milho
1/2 xic de adoçante forno e fogão
1 colher de sopa de cacau em pó
2 xic de farinha de rosca
1 colher de sopa de fermento em pó

Para polvilhar:
2 colheres de sopa de leite me pó desnatado
1 colher de sopa de adoçante dietético para forno e fogão
1 colher de café de canela em pó

Preparo:
Bata os ovos, as bananas, o adoçante e o óleo no liquidificador. Coloque a mistura em uma vasilha e junte o restante dos ingredientes.
Unte com margarina light e enfarinhe com a farinha de rosca ou cacau em pó retirando bem o excesso, uma assadeira de 20 cm de diâmetro. Despeje a massa e leve para assar em forno pré aquecido por cerca de 20 minutos.
Misture todos os ingredientes da cobertura e polvilhe sobre a massa assim que sair do forno.

Se quiser pode assar o massa em forminhas para cupcake.

Bolo Prestigio Diet

credito da imagem: http://mdemulher.abril.com.br

1 RECEITA DE MASSA BÁSICA DIET DE CHOCOLATE que você encontra aqui

ingredientes do leite condensado diet:
1/4 de xic de adoçante me pó forno e fogão
1 xic de leite em pó desnatado ( o pó)
1/2 xic de água
1 colher de chá de margarina light

ingredientes do recheio
1 receita de leite condensado diet
1/4 xic de creme de leite light
100g de coco ralado sem açúcar
1/2 colher de sopa de farinha de trigo
1 gemas peneiradas
1 colher de sobremesa de margarina light

ingredientes da cobertura
150g de chocolate ao leite diet
50g de chocolate amargo
1/2 de creme de leite light

ingredientes da calda
200ml de água
1 colher sopa de adoçante em pó para forno e fogão
3 cravos da índia
1 colher de sopa de essência de baunilha

Modo de preparo:

Faça primeiro o leite condensado e deixe na geladeira por 8 horas ou faça a noite e utilize de manhã.
Bata todos os ingredientes no liquidificador e leve para a geladeira. Não se esqueça de preparar duas receitas.

Massa:
Prepare a massa conforme descrito aqui.
Depois de pronta e fria, corte o bolo em 3 camadas. Reserve.

Prepare o recheio:
Leve todos os ingredientes ao fogo médio, mexendo sempre até formar um creme. Retire do fogo e deixe esfriar.

Prepare a cobertura:
Coloque os chocolates em um bowl e leve ao banho maria para derreter, junte o creme de leite e misture bem até ficar um creme liso e homogêneo. Reserve.

Prepare a calda:
Leve a água, o adoçante e os cravos ao fogo, deixando ferver por 8 minutos. Apague o fogo, coe, junte a baunilha e deixe esfriar.

Montagem do bolo:
Forre com plastico filme a assadeira em que foi assado o bolo. Disponha uma camada de bolo, regue com a calda e aplique metade do recheio. Repita a operação com os ingredientes restantes, finalizando com a massa. Regue por cima com o restante da calda. Leve o bolo a geladeira por 4 horas.
Passado esse tempo, desenforme o bolo, distribua a cobertura na superfície e se quiser pode polvilhar 2 colheres de sopa de coco em flocos sem açúcar ou decorar com coco fresco em fita.
Apenas não exagere, pois para diabéticos tudo deve ser feito com moderação.

Porções: 12 porções
calorias por porção: 260

Massa básica para bolo de chocolate diet


Ingredientes:
21/2 xicaras de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
1 xicara de cha de óleo
1 xic de chá de leite desnatado
2 ovos
1 xicara de chá de adoçante em pó para forno e fogão
margarina light para untar

Preparo:
Em um bowl, misture a farinha de trigo e o fermento e reserve. A parte, bata no liquidificador o óleo, o leite, os ovos, o adoçante, o cacau.
Despeje, devagar esse líquido sobre a farinha reservada e misture com o auxilio de uma espatula. Misture bem para a massa ficar homogênea.
Unte com a margarina light e enfarinha uma assadeira redonda de 20cm de diâmetro e coloque a massa.
Leve par assar em forna pre aquecida a 180º, por, aproximadamente, 35 minutos ou até dourar.
Espere esfriar e utilize a massa nas receitas de bolos decorados que temos no blog.

rendimento: 15 porcões
calorias por porção: 160

Lembre-se - doces diet são feitos em pequenas porções.

Massa de bolo de baunilha básica diet

Ingredientes:
21/2 xicaras de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
1 xicara de cha de óleo
1 xic de chá de leite desnatado
2 ovos
1 xicara de chá de adoçante em pó para forno e fogão
margarina light para untar

Preparo:
Em um bowl, misture a farinha de trigo e o fermento e reserve. A parte, bata no liquidificador o óleo, o leite, os ovos e o adoçante.
Despeje, devagar esse líquido sobre a farinha reservada e misture com o auxilio de uma espatula. Misture bem para a massa ficar homogênea.
Unte com a margarina light e enfarinha uma assadeira redonda de 20cm de diâmetro e coloque a massa.
Leve par assar em forna pre aquecida a 180º, por, aproximadamente, 35 minutos ou até dourar.
Espere esfriar e utilize a massa nas receitas de bolos decorados que temos no blog.

rendimento: 15 porcões
calorias por porção: 140

Lembre-se - doces diet são feitos em pequenas porções.

Leite Condensado Diet



100g de leite em pó desnatado
130ml de aguá quente
1 colher de sopa de margarina light
4 colheres de sopa de adoçante em pó para forno e fogão
Leve todos os ingredientes ao liquidificador e bata até obter uma mistura homogênea, aproximadamente 5 a 8 minutos.
Coloque a mistura em um recipiente tampado e leve a geladeira por 12 horas para adquirir consistência cremosa.
Passado esse tempo de descanso na geladeira, o leite condensado está pronto para ser utilizado em suas receitas.
rendimento: o equivalente a uma lata - 395ml
calorias por porção 490



Dieta Especial - Diabetes, entenda o problema

*fonte da imagem: site cyberdiet

O diabetes é uma doença que nos últimos tempos vem crescendo a passos largos. Só no Brasil existem mais de 11 milhões de diabéticos, e o pior, muitos ignoram ter a doença¹.
Saber se alimentar é fundamental para controlar o diabetes. Manter uma alimentação saudável e equilibrada e praticar exercícios físicos com regularidade, são as armas para evitar e também controlar o diabetes, pois de maneira geral o diabetes tipo 2 é causado pela obesidade.¹.¹
Pensando nisso, e também por ter uma "formiga diabética" aqui em casa, resolvi fazer uma série de posts sobre Sobremesas para Diabéticos...
Tudo que será divulgado aqui, é fruto de muito estudo , cursos e testes...
Mas é preciso se lembrar que 'Não é porque é diet que pode comer sem controle", ok!??!?!?!...

Entenda o problema

O diabetes é uma doença que se caracteriza por uma disfunção no pâncreas que dificulta ou impede a fabricação de insulina, causando, por isso, problemas na absorção de glicose (açúcar) no sangue.
A insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas e tem por função principal retirar a glicose da corrente sanguínea e levá-la para as células, onde é transformada em energia.
É com essa energia que desenvolvemos nossas atividades. A glicose é nossa principal fonte de energia: sem ela, não teríamos força para realizar as tarefas diárias. Quando ela não é absorvida pelo organismo, permanece no sangue, podendo desencadear várias doenças, entre elas o diabetes.

Dois tipos diferentes


Diabetes tipo 1 - conhecida como diabetes mellitus, é quando o organismo não produz insulina. É um tipo raro, atinge apenas 8% da população. Nesse caso, a pessoa diabética necessita receber aplicações frequentes do hormônio insulina. Esse tipo costuma manifestar-se na infância e em pessoas magras.

Diabetes tipo 2 - nesse caso o organismo produz insulina, mas em quantidade insuficiente para a absorção da glicose. Para controlar o problema, em geral é preciso tomar medicamentos, adotar uma alimentação equilibrada e praticar atividade física regularmente.
A mudança alimentar e os exercícios devem ser adotados para a vida toda. Não basta fazer exercício por um período e parar. Para o diabético ter uma vida saudável , esse controle precisa ser constante.

Lembre-se sempre: Alimentação equilibrada e prática esportiva controlam e evitam o diabetes e outras doenças.


Alimentação para controlar o diabetes


Para controlar o diabetes, não bastam somente retirar o açucar da dieta.
É necessário também evitar gorduras, alimentar-se de 3 em 3 horas e tomar no mínimo dois litros de agua diariamente.
O importante é saber combinar os alimentos e não consumir na mesma refeição dois alimentos do grupo de massas ou carboidratos, como: arroz + batata ou macarrão + pão.
Lembre-se: sempre consuma um alimento desse tipo por refeição.

Consumir com frequência

  • Verduras e legumes crus ou refogados com pouco óleo ( usar óleo de milho ou granola)
  • Frutas: até duas por dia, em horários distintos. Banana, manga, caqui, uva, fruta -do-conde e figo podem ser consumidos com moderação.
  • Feijão e leguminosas (grão de bico, lentilha, ervilha,soja) podem entrar no cardápio no máximo 4 vezes na semana.
  • Alimentos com fibras - frutas com casca, hortaliças, leguminosas, aveia, farelo de trigo, arroz integral... As fibras retardam a absorção da glicose pelo sangue, e o nível da glicemia fica mais estável.
  • Pães de glúten , aveia, trigo integral e sem açúcar
  • Carnes bovinas magras, aves sem pele e peixes assados, cozidos, ensopados ou grelhados
  • Alho, cebola e pimenta vermelha (essa com moderação), pois melhoram a circulação.
  • Produtos diet - verificar no rótulo a ausência de sacarose.
Consumir em pequenas quantidades
  • Arroz, batata, mandioquinha, mandioca, cará, inhame, abóbora e massas.
  • Não ingerir mais de um alimento desse tipo na mesma refeição, como eles são ricos em carboidratos, após digeridos transformam-se em glicose.
Substituir
  • açúcar por adoçante - sempre.
  • laticínios integrais por desnatados (leite, iogurtes, queijos, requeijão)
  • manteiga e margarina substituir por requeijão, ricota e margarina light ou creme vegetal.
  • Alimentos com açúcar, mel e melado por alimentos com adoçante para diabéticos
  • carnes com gorduras por carnes magras
  • refrigerantes comuns por refrigerantes diet.
Bebidas alcoólicas estão proibidas - corte de vez.

"as informações apresentadas nesse post servem apenas como alerta e orientação; em nenhuma hipótese recomendamos prescrição de uso. Consulte um profissional especializado Endocrinologista/ Nutricionista ou converse com o seu médico."
Para download

Manual de contagem de carboidratos - http://www.diabetes.org.br/attachments/246_manual_oficial_contagem_carboidratos_2009.pdf

Fonte de informações ¹ e ¹.¹: 
Sociedade Brasileira de diabetes - http://www.diabetes.org.br/
Hospital do Coração de São Paulo - http://www.hcor.com.br/


quinta-feira, 7 de junho de 2012

Arroz Soltinho

créditos da imagem: site da sadia

O arroz é comprovadamente um dos alimentos mais consumidos no mundo... praticamente todas as culturas tem esse cereal em sua culinária.
O arroz é importante fonte de carboidrato para uma alimentação balanceada. No Brasil ele é consumido principalmente  acompanhado de feijão.
Ele combina com praticamente tudo na culinária e é um prato relativamente simples de se fazer... apesar de ter os seus segredinhos.
Eu queimei muito arroz até acertar.... e descobri errando que, sem paciência, não fazemos um arroz soltinho...
Bom então vamos a receita, vou postar os ingredientes para 2 xic de arroz cru... é melhor começar fazendo pequenas porções, a hora que adquirir a prática pode aumentar...

A proporção para o arroz será sempre a mesma 1 medida de arroz (xicara, copo, lata...) e 2 medidas iguais de água.


Ingredientes
2 colheres de sopa de óleo de milho
2 medidas de arroz cru (eu uso xícara)
1/2 cebola picadinha ( como aqui tem gente que não curte cebola eu uso a dita em pó - 1 colher de café)
1 dente de alho amassadinho
sal a gosto (mais ou menos 1 colher de sopa - coloque experimente a água e se achar necessário aumente a quantidade)
2 1/2 medidas(a mesma usada para o arroz) de agua fervente.

1º passo: Lavar o arroz... apesar de alguns fabricantes dizerem em suas embalagens que não é necessário, eu prefiro lavar, dá diferença SIM no sabor depois de pronto...
Coloque o arroz em uma escorredor de arroz, cubra com agua e de uma esfregadinha nos grãos com as mãos. Você vai perceber que a agua irá ficar esbranquiçada. Coe a agua, deixe o arroz escorrer um pouquinho e pronto, é só usar.
Se vc Não tiver escorredor de arroz (como eu) faça o processo em uma tigela e depois escorra numa peneira grande...

2º passo: em uma panela de fundo grosso, coloque o óleo* , a cebola e refogue até ela ficar transparente. Coloque agora o alho (não ponha tudo junto pois o alho cozinha mais rápido do que a cebola e ele irá queimar... e gosto de alho queimado ninguém merece), refogue um pouquinho e junte o arroz lavado, o sal e refogue, mexendo sempre por uns 4 a 5 minutos, ou até ele ficar sequinho.
Nesse início é importante que você trabalhe com o fogo baixo, depois com a prática pode-se aumentar o fogo. Seguindo essa dica, a chance de vc queimar o seu arroz é bem menor.

*a quantidade de óleo mencionada na receita é apenas para se ter uma noção... tentem não ser muito rigorosos com as medidas. Geralmente eu viro o litro do óleo sobre a panela e conto até 2 - isso que chamamos de fio de óleo ou fio de azeite. É a quantidade suficiente para lambuzar o fundo da panela e vc fritar os temperos.


3º passo: coloque a água fervente no arroz, mexa, prove o sal, se necessário coloque mais um pouco, abaixe o fogo e tampe a panela, deixando somente um pedacinho descoberto.
Importante nesse passo, não colocar toda a água, deixe um pouquinho ... a quantidade certa de água é para cobrir o arroz , fica menos de 1/2 cm acima dele.
Cozinhe o arroz até que a água seque ( por volta de 20 minutos). Mas não descuide do arroz no fogo, vez ou outra vá lá dar uma olhadinha.
Quando estiver quase seco, vc vai perceber que se formam furos na superfície de onde borbulha um pouquinho de água. Nesse ponto seu arroz já estará quase pronto. Deixe mais 5 minutinhos e desligue a panela. Deixe tampado para terminar o cozimento, por volta de 8 a 10 minutos.

Dicas importantes:

  • não coloquem agua demais no arroz
  • cozinhem sempre em fogo baixo, lembre-se paciência ... paciência
  • não vá pra sala assistir TV, ou falar ao telefone, ou ver recadinhos nas redes sociais e esqueça o seu arroz lá cozinhando... pois ele irá queimar, eu te garanto.
  • não coloque sal demais no arroz, é melhor errar por menos do que salgar o prato, ai não tem conserto.
  • se quizer pode usar aqueles temperos prontos que vendem no mercado tipo o MEU ARROZ da Knnor, ele ajuda bastante quem está começando.




quarta-feira, 6 de junho de 2012

Pão de mel do Mosteiro de São bento


originalmente postado pela San do blog Fofurices



Fonte: Revista Gula
Rendimento 60 pães de mel de 6cm

Ingredientes
- 2 xícaras de mel 
- 60g de manteiga
- 2 colheres de sopa de açúcar mascavo
- 1 colher de sopa de canela*
- 1 colher de café de cravo (Opcional)*
- 1 cálice de cointreau (licor de laranja)
- 3 colheres de sopa de chocolate em pó
- 1 xícara de leite morno
- 1 xícara de amêndoas moídas* (já fiz com nozes e castanha de caju com sucesso!)
- 4 xícaras de farinha de trigo*
- 1 colher de sopa de fermento*
- Para banhar: 600g de chocolate meio amargo
- Para rechear: 300g de geléia de damasco ou doce de leite

Modo de preparo
1) Pré aqueça o forno a 180°.  Coloque as forminhas de papel na assadeira, ou unte e enfarinhe as forminhas. Misture os secos * (com asterisco) e peneire 3 vezes ou mexa bem com um fouet por 2 minutos.
2) Na batedeira, em velocidade média, bata a manteiga com o açúcar mascavo até formar um creme. Junte o mel e continue batendo até que esteja bem homogêneo. 
3) Ainda batendo em velocidade média junte o leite alternadamente com a mistura de secos. Bata até que os ingredientes estejam bem combinado (não mais que 1 minuto).
2) Encha cada forminha com 2 colheres de sopa de massa. 
3) Leve para assar na grade do meio do forno. Asse até que estejam firmes ao toque ou até o palito sair limpo (truque do palito). Cuidado que esse "trem" assa rápido, hein?! Não deixa ficar seco, não!
4) Deixe descansar na assadeira por 5 minutos depois transfira para uma grade de resfriamento.
5) Corte no meio, recheie com geléia ou doce de leite. Derreta o chocolate (de acordo com a embalagem ou seu costume) e banhe os pães de mel. Espere o chocolate firmar e embale os pães de mel.
Validade: 8 dias fora da geladeira.

Sugestão de embalagem
- Papel chumbo colorido e fita de cetim. Esse papel chumbo é ótimo!!! Tem de oncinha, zebrinha, bolinha, arabesco... fica fofo e protege bem o chocolate.